CÂNCER DE PRÓSTATA - PSA E TOQUE RETAL

18/11/2014 09:27

câncer de próstata é o tipo de câncer mais prevalente em homens com mais de 50 anos.

No passado, o diagnóstico costumava ser feito quando o tumor já invadia órgãos vizinhos ou formava metástases ósseas. A introdução do PSA e do toque retal rotineiro, nos anos 1990, permitiu identificar lesões em fases precoces e diminuir a probabilidade de morrer por complicações da doença.

O tratamento desses tumores iniciais através da cirurgia ou radioterapia, no entanto, está associado a complicações intestinais, urinárias e da função sexual, que podem comprometer a qualidade de vida.

Enquanto alguns tumores apresentam comportamento agressivo, outros são tão indolentes que dificilmente chegarão a provocar complicações nos pacientes mais idosos, mesmo que não sejam tratados. Nestes casos, o simples acompanhamento clínico e laboratorial pode ser a opção mais adequada.

PSA (prostate-specific antigen) em português significa Antígeno (proteína) prostático específico ou seja uma proteína específica da Próstata.

Sendo assim, PSA é exame de laboratório que avalia uma proteína específica da próstata.

Qualquer alteração da próstata como infecção (prostatite), compressão (toque retal ou ejaculação após masturbação ou relação sexual), presença de tumor(câncer de próstata) pode elevar os valores de PSA.

Sendo assim o PSA é específico da próstata e não específico de câncer de próstata.

Os valores de PSA dependem do tamanho da próstata, da idade e os valores em homens entre 40 e 50 anos não deve ser superior a 4.

Atualmente valores superiores a 3 devem ser pesquisados.

Atualmente é muito freqüente encontrarmos PSA elevado e toque retal normal e a biópsia de próstata confirma  a presença do câncer de próstata.

Muitos acreditam que com o exame de PSA não existe a necessidade do toque retal, o que não é verdade pois mesmo não sendo muito freqüente podemos encontrar casos em que o PSA é normal e no toque encontramos nodulações que a biópsa de próstata confirma o câncer de próstata.

O toque retal e o exame de PSA deve ser iniciado em homens com 40 anos de idade se na família existir parentes próximos com algum tipo de câncer (mama, próstata, etc), caso contrário o homem deve inicar os exames de próstata apartir dos 45 anos de idade.

A próstata é uma glândula localizada logo abaixo da bexiga e que aos 20 anos de idade pesa aproximadamente 20 gramas.

Com o avançar da idade a próstata geralmente cresce, é a hiperplasia benigna da próstata(HPB) ou seja, crescimento benigno da próstata.

O fato de uma próstata crescer muito não significa que ela tem ou terá câncer de próstata. Ela pode ser muito grande e com isso pode predispor um PSA mais elevado que o normal e não ter câncer.

Por ouro lado um homem que tem uma próstata pequena pode ter câncer de próstata.

O PSA geralmente se eleva de ano a ano, sendo tolerando elevação entre  10-15% ao ano.

Se a velocidade de elevação for maior que 10 a 15% de um ano para outro é importante repetir o exame, afastar infecção e em caso de persistir a elevação realizar o ultrasson trans retal com biópsia da próstata.

Sabemos que 30% dos homens desenvolvem câncer de próstata com PSA inferior a 4mg/dl  daí a importância do toque retal.

Sendo assim o exame de próstata deve consistir de avaliação do PSA e toque retal.